Óbidos vila literária apresenta FOLIO

  O festival literário Folio foi apresentado no café Martinho da Arcada em Lisboa. O Folio são 10 dias de celebração conjugados no verbo “literar”. Acontece na vila de Óbidos, a vila literária,, de 15 a 25  de outubro.

A cerimónia contou com a presença do Ministro da cultura do Brasil Juca Ferreira e do Sevretario de Estado da Cultura Barreto Xavier. 

 Folio é o primeiro capítulo de um projeto ambicioso.
É nele que se está a escrever a história de uma Vila Literária que se vai transformar num dos lugares obrigatórios para a literatura mundial. O Folio é onde se apresenta Óbidos Vila Literária. É a sua capa e o maior cartaz.
Mas Óbidos já era a Vila Literária mesmo quando ainda lá não havia livros. Há três anos eles chegaram. O projeto folio é a expressão maior quem fez da literatura e dos livros, durante décadas, a sua profissão.
O Folio é o projeto – e a marca – mais importantes para uma terra que escolhe a Literatura e os livros como bandeira. 
Uma terra que pelas suas características e história únicas é ela própria também um best seller.
Nesta primeira edição (Out 15 – 25) o Folio prepara-se para receber 50 escritores, portugueses e estrangeiros. Alguns nomes maiores da literatura mundial. São 10 dias de em que o verbo “literar” enche páginas de livros e as ruas de Óbidos com música, teatro, performance, cinema, tertúlias, mesas redondas e exposições.
Depois do Folio acabar, para voltar no ano seguinte, a Vila Literária continua. Essa nunca para.
Todos os livros se escolhem no primeiro parágrafo. 
O Folio é o nosso.
    
    
    
 

Comments are closed.